Sócios do Boavista aprovam parceria com grupo do investidor Gerárd Lopez

Sócios do Boavista aprovam parceria com grupo do investidor Gerárd Lopez
Redação com Lusa

Tópicos

Entrada do empresário não contou com votos contra.

Os associados do Boavista aprovaram na sexta-feira a parceria com o grupo do empresário hispano-luxemburguês Gérard Lopez, que implica a "transmissão parcial das participações sociais" do clube da I Liga na SAD.

Numa assembleia-geral extraordinária realizada no Estádio do Bessa, no Porto, 308 sócios formalizaram a entrada do proprietário dos franceses do Lille e dos belgas do Mouscron no capital social axadrezado, sem votos contra e com nove abstenções.

O relatório e contas e respetivo parecer do Conselho Fiscal relativo ao ano de 2019 também foi discutido e aprovado com 253 votos favoráveis, 51 abstenções e quatro votos contra, de acordo com uma nota publicada no site oficial do Boavista.

A sessão magna decorreu em consonância com as restrições impostas pela pandemia de covid-19 e registou diversas intervenções de associados, tendo em vista uma viragem na política de gestão da SAD, cuja maioria do capital passará a ser detida por Gérard Lopez.

O dono e fundador da empresa Genii Capital, especializada em gestão de marcas e tecnologias de futuro, estabeleceu no verão um pré-acordo com a direção de Vítor Murta, procurando o regresso do emblema campeão nacional em 2000/01 aos palcos europeus.

Sinal dessa ambição foi a profunda remodelação estrutural ocorrida no defeso, que se traduziu na aquisição de 20 reforços e do treinador Vasco Seabra, além das nomeações de Ricardo Costa e Admar Lopes como diretor desportivo e diretor-geral, respetivamente.​​​​​​​

O "braço direito" de Luís Campos, diretor desportivo do Lille, negou na quarta-feira "uma ligação" do Boavista com o atual segundo classificado da Liga francesa, enaltecendo um projeto "completamente autónomo", que está a criar "bases para um futuro de sucesso".

"Temos o objetivo de jogar um futebol condizente com o potencial técnico dos nossos jovens talentos, mas que beba muito do ADN do Boavista em termos de agressividade, garra e querer. Assim, vamos criar uma simbiose perfeita com a nossa massa adepta e voltar a ter um ambiente infernal para os adversários no Bessa", vincou Admar Lopes.

O Boavista ocupa a 14.ª posição da I Liga, com apenas dois pontos somados em nove possíveis, e vai defrontar o Vitória de Guimarães no encontro de encerramento da quarta jornada, marcado para 19 de outubro, no Estádio do Bessa, no Porto.