MMA: injetou óleo, ficou com bíceps deformados e não durou um assalto

MMA: injetou óleo, ficou com bíceps deformados e não durou um assalto

Imagens dos bíceps de Kirill Tereshin têm chocado o mundo do desporto de combate.

O mundo das artes marciais mistas é pródigo em situações insólitas e a mais recente chega-nos da Rússia. Kirill Tereshin, lutador de 23 anos, apresentou-se com os bíceps inchados, aumentados devido à constante injeção de óleo nos músculos, mas os efeitos práticos foram praticamente nulos: não durou um único assalto no octógono.

Conhecido por "Hulk russo", Tereshin injetou synthol - substância utilizada no culturismo - no tecido muscular, de forma a aumentar consideravelmente a largura dos braços. Contudo, os médicos avisaram-no que o modo de administração - por baixo da derme - podia conduzir a consequência nefastas, como possíveis infeções, paralisia dos braços ou até amputação dos mesmos.

No combate com o rival Oleg Mongol, não conseguiu aguentar os três minutos de duração do primeiro assalto e, apesar de ainda ter desferido alguns golpes, acabaria por perder.