Opinião

PremiumJosé Manuel Ribeiro

Entre o pirata informático e os patifes da cara de pau

Quero que me digam a verdade e que a verdade tenha consequências. É a minha ambição de contribuinte e, lamento dizê-lo, de jornalista ameaçado (embora não convencido) de extinção. Durante décadas, Portugal foi (?) um país de patifes que outros patifes, de qualidade não inferior, deixaram navegar à vontade. Um e-mail pirateado na altura certa teria, provavelmente, evitado a destruição de muitas vidas e a hipoteca de muitos futuros.