Exclusivo Custa ficar fora, mas o futuro é prometedor

Custa ficar fora, mas o futuro é prometedor
José Manuel Freitas

O importante na Croácia era vencer; mesmo não jogando o que sabe... aconteceu vitória.

Não é pelo facto de Portugal não ter sido capaz de chegar aos jogos da decisão que se deve desvalorizar a Liga das Nações - a única crítica, vá lá, deve ser feita à UEFA por não ter adiado a competição tendo em conta a pandemia, mas quanto ao resto... Portugal não vai estar nos desafios mais importantes porque não foi competente no mais importante de todos, uma espécie de outra final com a França onde, na verdade, os franceses foram superiores e provaram ter aprendido com o susto que apanharam em Paris.