Premium O "Brexit" não é aqui

Miguel Carvalho

Tópicos

BOLA DE TRAPOS - Miguel Carvalho, cronista de O JOGO, escreve sobre a hegemonia das equipas inglesas na Europa.

A minha geração caminhava para a idade adulta quando, no princípio dos anos 80, o Liverpool ainda escrevia páginas gloriosas e açambarcava títulos europeus. Por essa altura, descobrimos, pela pena de Miguel Esteves Cardoso, que a melancolia agreste dos Joy Division era apenas deleite, "vontade de arreliar e provocar", e não resgatara Manchester da imagem de pardieiro industrial da nação.

A banda de Ian Curtis, cujo suicídio dera lugar à lenda, não queria sequer salvar o rock nem a Inglaterra de si própria, como Morrissey e os Smiths tentaram mais tarde, destravados e poéticos no embate contra Margaret Thatcher, a monarquia britânica e a musiquinha da treta.