Georgina Rodríguez: "Trabalhei para conseguir o que tenho no banco"

Georgina Rodríguez: "Trabalhei para conseguir o que tenho no banco"
Redação

Tópicos

Georgina Rodríguez, companheira de Cristiano Ronaldo, deu uma entrevista à revista Forbes, de Espanha, e falou sobre os negócios em que participa.

Orgulhosa do que conseguiu: "É verdade que as coisas correram-me bem nos últimos anos, mas também trabalhei muito, consegui focar-me no meu tempo e nas minhas redes sociais. Às vezes dizem que sou "a mulher de", de uma forma depreciativa, mas isso não me faz mal. Estou feliz por ser a mulher de Cristiano Ronaldo, estou completamente apaixonada por ele e sinto-me uma sortuda. Sei que o facto de ser sua mulher me oferece muitas oportunidades, mas trabalhei para conseguir o que tenho no banco. Estou orgulhosa do meu trabalho e da forma como geri a minha carreira. Encontrei o equilíbrio entre a minha dedicação profissional, pessoal e familiar."

Negócios: "Encarrego-me de supervisionar e gerir alguns aspetos da clínica [Insparya Hair Medical Clinic]. Estou sempre ao corrente dos últimos avanços e estou muito satisfeita com o trabalho realizado porque é um dos meus negócios mais rentáveis."

As finanças: "Vão desculpar-me mas prefiro não falar dos milhões que há na minha conta. No mundo capitalista em que vivemos o dinheiro é uma ferramenta útil, sempre o valorizei e sei o que custa ganhá-lo. Continuo a ser poupada. Mas quando me oferecem um projeto com o qual não me identifico ou que não está sujeito aos valores que preconizo, isso é razão mais do que suficiente para declinar a proposta. Ser rico não é apenas ter dinheiro e acumular milhões no banco. Há gente que tem muito no banco e pouco na sua vida."