Jesualdo e o presente do Boavista: "Das duas uma: ou está tudo doido ou não é verdade"

Jesualdo e o presente do Boavista: "Das duas uma: ou está tudo doido ou não é verdade"
Cristina Aguiar

Tópicos

Jesualdo Ferreira esteve na conferência de imprensa de antevisão do Boavista, que na 12ª jornada defronta o Marítimo, na Madeira

Desafio mais difícil da carreira: "Se é o mais difícil, não sei. Vai ser interessante ver o que iremos conseguir e tocar de perto os objetivos. Há razões para otimismo. Sempre tive cenários complicados e a percentagem de sucesso foi sempre elevado. Este é mais um difícil. Não encontrei nada do que fosse diferente a que estava habituado. É um grupo de jogadores que trabalha bem que querem aprender, crescer e estar lá em cima. Agrada-me, pressinto que estão melhores. Fazer entender o que é o Boavista. Há jogadores com talento."

Plantel jovem: "O Angel já tem experiência, mas tem de se preparar para o futuro. Ele é o tipo de jogador que todos dizem que tem muita qualidade. Aliás, antes de vir para o Boavista ouvia toda a gente a falar que tinha jogadores de grande qualidade, mas olhando para a tabela ou das duas uma, ou está tudo doido ou não é verdade. No meio de tudo isto, há de facto jogadores com qualidade mas que têm ainda de trabalhar muito para chegar a um patamar de rendimento que lhe permita responder aos problemas que vão aparecer. O futebol atual não deixa jogadores crescerem, exigem crescimento muito rápido."