Jogador do Farense revoltado: "Relógio do árbitro continuava nos 52 minutos..."

Jogador do Farense revoltado: "Relógio do árbitro continuava nos 52 minutos..."

Hugo Seco deixou críticas à arbitragem do encontro com o Belenenses SAD.

O Farense deixou fugir este sábado a primeira vitória no campeonato, ao empatar a uma bola frente ao Belenenses SAD. O golo de Bruno Ramires surgiu para lá dos seis minutos de compensação dados pelo árbitro Manuel Mota. Hugo Seco falou à SportTV após o jogo e não calou a revolta.

"Gostava que me explicassem: há um canto a nosso favor, vi o relógio do árbitro e estava em 52 minutos (da segunda parte). Já tinham passado dois minutos e quando fizeram o golo estava na mesma em 52 minutos", apontou o jogador da equipa algarvia."

"Estão a brincar com o nosso esforço, na semana passada foi um escândalo e hoje aconteceu isto. Pedimos que quem nos tira pontos desta forma também seja castigado. As pessoas não têm noção do impacto que pode ter na equipa. Tira estabilidade e os treinadores podem ser despedidos. Noutro clube qualquer podia acontecer isso se houvesse alguém que não percebesse de futebol. Os pequenos são empurrados para baixo e ninguém faz nada", completou.