"Interesse em Luis Díaz? É normal e natural, mas não entra no balneário"

"Interesse em Luis Díaz? É normal e natural, mas não entra no balneário"

Treinador do FC Porto em conferência de Imprensa de antevisão à deslocação a Tondela, agendada para as 18h00 de sábado.

Mudança de chip: "O chip tem de estar sempre em alerta para todos os dias estarmos concentrados e focados no treino, para todos os jogos, independentemente da competição e mediatismo da mesma. O importante é isso, a coragem do último jogo a ambição grandíssima e depois um trabalho que em temos de estratégia foi muito bom. Neste jogo queremos os mesmos ingredientes."

Tondela: "Vem de três vitórias seguidas, nota-se que é uma equipa que estabilizou, que em todos os momentos do jogo tem muitos bons princípios. Acho que é o quarto melhor ataque, é equipa virada para a frente, com os grandes, incluindo o Braga, sofreu só nos minutos finais. Estamos à espera de um jogo sempre difícil, numa. deslocação sempre difícil, mas temos a obrigação de ir com tudo para ganhar, nesta maratona que é o campeonato, três pontos importantes que ambicionamos."

Alegado interesse em Luis Díaz pode dar dores de cabeça? "Não sinto dores de cabeça com as coisas que gravitam aqui no mundo do futebol, com especulações e notícias do que poderá e não poderá. Não entra no balneário. Obviamente que jogando Liga dos Campeões, com o mediatismo da competição, é normal que suscite a cobiça de alguns jogadores, e principalmente de campeonatos que não são dos mais fortes. É absolutamente normal e natural. Agora, que isso interfira na preparação do jogo com o Tondela ou no estado de espírito do Luis [Díaz], não interfere."