Leixões regressa às vitórias frente ao Penafiel

Leixões regressa às vitórias frente ao Penafiel
Redação com Lusa

Tópicos

O Leixões regressou este sábado às vitórias frente ao Penafiel (2-0), em jogo da 28.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol.

A formação de Matosinhos vinha de um empate e três derrotas consecutivas e precisava urgentemente de pontos para continuar a manter-se confortável na luta pela permanência. A equipa comandada por José Mota ocupa agora a 11.ª posição, com 33 pontos.

Já o Penafiel, apesar de estar mais tranquilo na tabela classificativa, não vence há cinco jogos (dois empates e três derrotas) e está na sétima posição, com 37 pontos.

A equipa da casa entrou mais forte e bem mais organizada e o golo acabou por surgir nos primeiros minutos. Aos 14 minutos, e depois de um erro do guarda-redes Emanuel Novo que na reposição da bola deixou ficar para Nenê, Joca Samuel aproveitou da melhor forma o cruzamento do avançado e fez o primeiro da partida.

A incapacidade do Penafiel em contrariar esta superioridade do adversário era evidente e isso permitiu à equipa do Mar aumentar a vantagem, complicando ainda mais a tarefa penafidelense.

Aos 23 minutos, Jefferson Encada faz um cruzamento oportuno e Nenê não desperdiçou a oportunidade e fez o segundo.

Se a tarefa estava complicada para a formação liderada por Pedro Ribeiro ficou ainda pior ainda antes do intervalo. Em tempo de compensação, Bruno César viu cartão vermelho direto depois de uma falta feia sobre Bruno Monteiro, ficando o Penafiel reduzido a 10 jogadores.

O jogador do Leixões não recuperou da lesão e José Mota foi obrigado a uma substituição no arranque da segunda parte, fazendo entrar Rodrigo.

O Penafiel apresentou-se mais organizado nestes 45 minutos e isso fez com que a desvantagem numérica dentro de campo não fosse muito evidente.

O primeiro remate com perigo da equipa penafidelense aconteceu aos 57 minutos por intermédio de Robinho. Ainda assim, o remate acabou por sair ao lado.

O Leixões, por outro lado, desperdiçou uma oportunidade flagrante de aumentar a vantagem. Aos 65 minutos, Jefferson Encada, num frente a frente com Emanuel Novo, fez o mais difícil e atirou para fora.

Até ao final, a equipa de José Mota limitou-se a gerir o resultado e o marcador acabou por não se alterar mais.

Jogo disputado no Estádio do Mar, em Matosinhos.

Leixões - Penafiel, 2-0.

Ao intervalo: 2-0.

Marcadores:

1-0, Joca Samuel, 14 minutos.

2-0, Nenê, 23.

Equipas:

- Leixões: Tiago Silva, Lucas Lopes, Pedro Pinto, Brendon, Seck, Joca Samuel (Avto, 67), Cristophe Nduwarugira, Bruno Monteiro (Rodrigo, 46), Jefferson Encada (Papalele, 67), Nenê (Belkheir, 90+1) e Kiki (Jota, 90+2).

(Suplentes: Stefanovic, Tiago André, Jota, Papalele, Edu Machado, Avto, Rodrigo, Ousmane e Belkheir).

Treinador: José Mota.

- Penafiel: Emanuel Novo, Gustavo Henrique, Junior Franco, Dénis, Leandro, Coronas, João Amorim, Bruno César, David Caiado (Pedro Soares, 54), Rui Pedro (Wagner, 70) e Robinho (Pedro Prazeres, 88).

(Suplentes: Filipe, Vitinha, David Santos, Vini, Cassiano, Wagner, Rafa Sousa, Pedro Prazeres e Pedro Soares).

Treinador: Pedro Ribeiro.

Árbitro: Vítor Ferreira (AF Braga).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Nenê (69), João Amorim (86), Rodrigo (87), Seck (89) e Belkheir (90+4). Cartão vermelho direto para Bruno César (45+2).

Assistência: Jogo disputado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.