"Marquei dois golos e a primeira coisa que ouvi foi que estava a perder cabelo"

"Marquei dois golos e a primeira coisa que ouvi foi que estava a perder cabelo"

Ryan Giggs conta como perder cabelo se pode tornar num trauma.

Ryan Giggs, galês que brilhou no Manchester United, confessou ter passado por um trauma por conta da queda progressiva de cabelo. "Apercebi-me de que estava a perder cabelo em 2003. Fiquei paranoico e em dias de jogos, sobretudo quando chovia e era televisionado, só queria não estar ali", contou o agora selecionador galês. "Foi por isso que o passei a ter muito curto", explicou.

Giggs, que agora se submete a tratamentos em clínicas especializadas, contou ainda um episódio com os companheiros de equipa. "A primeira vez que dei conta foi depois de um jogo em Anfield, em 2003. Marquei dois golos, entrei no bar onde estavam os meus companheiros de equipa, esperava que me recebessem com um 'bom trabalho', mas a primeira coisa que ouvi foi que estava a perder cabelo".

Giggs, hoje com 46 anos, representou o Manchester United durante toda a carreira. Ganhou 13 campeonatos, duas Champions, um Mundial de Clubes e uma Taça Intercontinental, apenas para referir os títulos mais importantes.