"VARio" Gomez perde mesmo a paciência: "Talvez seja a fatura que me estão a passar"

"VARio" Gomez perde mesmo a paciência: "Talvez seja a fatura que me estão a passar"
Hugo Sousa

Atualização: nos últimos três jogos, o Estugarda viu o VAR anular-lhe seis golos. Cinco a Mario Gomez e ainda mais um a Wataru Endo.

Mario Gomez perdeu mais um golo e, por arrasto, perdeu também a paciência com o videoárbitro.

"Isto é uma m...", atirou, furioso, depois de o videoárbitro lhe ter invalidado o quinto em apenas três jogos, e o sexto da contagem do Estugarda nesse mesmo período.

Se há dias, como O JOGO deu conta, o internacional alemão até tinha reagido com humor ao hat trick anulado na receção ao Nuremberga, até porque, no fim, a equipa venceu - e com um golo dele que valeu -, desta vez, no empate (1-1) em casa do Darmstadt 98, a reação de VARio Gomez, o nome de combate que lhe deram nas últimas semanas à boleia destas confusões, foi mais azeda.

"Talvez seja a fatura que os árbitros que estão a analisar na cave me estão a passar por eu estar em jogo há 20 anos", atirou, sugerindo uma espécie de má vontade organizada por parte de antigos juízes que agora estão no papel de videoárbitros. E um dos árbitros já retirado, Thorsten Kinhöfer, citado pelo jornal "Bild", já contestou essa ideia. "Não o achei um jogador de má reputação enquanto estive no ativo, nem tenho conhecimento de que a tivesse junto de outros árbitros", rematou.

Mario Gomez, internacional alemão de 34 anos, não se conforma. Apesar da descida de divisão na última temporada, manteve-se disponível para prosseguir na II divisão. Até aceitou baixar o ordenado, mas não é preciso ter pena dele: passou de cerca de seis milhões de euros anuais para um pouco mais de quatro milhões. O rendimento desportivo é que tem ficado abaixo do esperado: apesar dos sete golos marcados em 12 jogos incompletos (626 minutos), o que até seria um belíssimo registo, só dois valeram. E ter cinco anulados em três jogos consecutivos faz dele um caso raro e, por via disso, cliente óbvio e merecido deste espaço de histórias alternativas.

O Estugarda é terceiro na II divisão alemã, com os mesmos 30 pontos que o segundo, o Hamburgo, que também empatou, e a quatro do líder Arminia Bielefield. Os dois primeiros sobem diretamente, o terceiro disputa o play-off.