Ali Daei elogia Ronaldo, mas sublinha: "Na verdade, marquei 111 golos..."

Ali Daei elogia Ronaldo, mas sublinha: "Na verdade, marquei 111 golos..."

Antigo avançado iraniano diz-se "orgulhoso" por ser ultrapassado por Cristiano Ronaldo, mas revela: aos seus olhos, marcou 111 golos pela seleção do Médio Oriente.

Foi um dos temas de destaque nos últimos dias: Cristiano Ronaldo bisou pela Seleção Nacional contra França e igualou os 109 golos marcados por Ali Daei ao serviço do Irão, recorde goleador absoluto em equipas nacionais.

O astro português recebeu os parabéns de Daei e até retribuiu. Agora, o ex-futebolista concedeu uma entrevista ao diário As, na qual expressou "orgulho" por ser igualado por um jogador da craveira de CR7, mas ressalvando que, nos seus registos, marcou... 111 golos.

"Eu queria que fosse Cristiano a bater o meu recorde. Mas, na verdade, marquei 111 golos, mas isso não importa agora. Pela forma como Cristiano joga, pelo nível que exibe, estou certo de que marcará muitos mais golos", começou por referir Ali Daei. Em relação aos 111 remates certeiros que alega ter na "conta", estão em causa dois golos que marcou num embate com a seleção do Afeganistão nos Jogos Asiáticos de 2002. Contudo, a FIFA entende que a seleção iraniana que disputou a partida era a olímpica e não a principal, deixando de fora esse "bis" da contagem do antigo goleador.

Sobre Ronaldo, os elogios sucedem-se: "Creio firmemente que Ronaldo merece alcançar este recorde. Aliás, ter um jogador como ele a alcançar este recorde é como se fosse outro recorde para mim. Um orgulho. Ele é muito humilde por se referir a mim como um ídolo. Fico muito grato", rematou Ali Daei.

Este domingo, frente à Bélgica, Ronaldo terá nova oportunidade para quebrar de uma vez por todas a marca: o próximo golo de CR7 pela equipa das Quinas será o 110.º. Aí, haverá oficialmente um novo recorde de seleções.