"Guardiola asfixia as suas equipas e tenta ganhar num tabuleiro de táticas"

"Guardiola asfixia as suas equipas e tenta ganhar num tabuleiro de táticas"
Redacção

Derrota com o Real Madrid acendeu as críticas ao estilo de Pep Guardiola e o outrora médio do Manchester City não poupou o treinador catalão, a quem responsabiliza pela ausência do clube inglês na final da Liga dos Campeões.

Falhada a presença na final da Liga dos Campeões, começam as críticas ao treinador do Manchester City, batido pelo Real Madrid. Através das redes sociais, Dietmar Hamann, 48 anos, ex-futebolista do Liverpool e do Manchester City, fez saber que está farto das estratégias de Guardiola. "Se dás a responsabilidade aos jogadores, eles atuam em conformidade. Se tratas de jogar o jogo por eles, então, não. Guardiola asfixia as equipas e os jogadores para que tomem as suas próprias decisões. Compara isso com as equipas de Ancelotti", escreveu.

Hamann reiterou esta ideia, posteriormente, em declarações ao Football Daily, da BBC Radio, citadas pelo Mundo Deportivo: "Não podes ganhar jogos num tabuleiro de táticas. A partir do momento em que soa o apito, os jogadores têm que tomar decisões e não é a primeira vez que uma das suas equipas toma decisões erradas no momento errado".