Nagelsmann admite que "não estava completamente satisfeito" frente ao Benfica

Nagelsmann admite que "não estava completamente satisfeito" frente ao Benfica
Redação

Jovem timoneiro, ausente do duelo da Liga dos Campeões, ficou totalmente agrado assim que Sané inaugurou o marcador em Lisboa

Em rescaldo do duelo do Bayern Munique contra o Benfica, feito só esta sexta-feira dado que não esteve no Estádio da Luz devido à infeção por covid-19, o treinador Nagelsmann assumiu que sentiu alguma insatisfação até ser marcado o primeiro golo.

"Não estava completamente satisfeito até aos 70 minutos [n.d.r. minuto em que Sané abriu o marcador], mas aquilo que os rapazes fizeram daí em diante foi muito forte", afirmou o técnico da formação bávara, que goleou as águias, por 4-0, em jogo da Liga dos Campeões.

Em conferência virtual de antevisão ao duelo com o Hoffenheim, Nagelsmann revelou que, pese estar infetado pelo coronavírus, se sente "bem", ainda que esteja "um pouco cansado". O regresso do técnico ao banco não deverá ocorrer este fim-de-semana.