FIFA evacua mais de meia centena de atletas afegãos

FIFA evacua mais de meia centena de atletas afegãos
Redação/H.L.

Retirada dos desportistas, ligados ao futebol feminino e ao basquetebol, ocorreu, segundo o portal 'Insider Football', na passada quarta-feira

O resgate de atletas afegãos continua cerca de dois meses após o grupo taliban ter assaltado o poder do país ao controlar Cabul. Mais 57 pessoas, maioritariamente mulheres e crianças, foram evacuadas do Afeganistão para Doha, no Catar, país que ajudou a FIFA a realizar esta missão humanitária.

"Gostaríamos de expressar os nossos sinceros agradecimentos tanto ao Amir do Qatar, Sua Alteza Xeque Tamim bin Hamad Al Thani, como ao Primeiro-Ministro da Albânia, Edi Rama, por nos ajudarem nesta missão humanitária e por toda a assistência na realocação segura destes membros da comunidade futebolística em circunstâncias tão difíceis", assinalou o presidente da FIFA, Gianni Infantino.

A evacuação de mais de meia centena de atletas, ligados ao futebol feminino e ao basquetebol, ocorreu, segundo o portal 'Insider Football', na passada quarta-feira, tendo o referido grupo viajado num voo charter operado pela Qatar Airways.

A FIFA assegurou que "continuará a trabalhar resolutamente na evacuação segura de mais membros da família desportiva", tendo apelado aos governos mundiais para que ajudem a criar condições para que os atletas afegãos possam praticar em segurança.

"Apelo a todos os nossos amigos nos governos e na comunidade futebolística para que nos ajudem a obter autorizações de residência e vistos para os evacuados, para que possam começar uma nova vida em circunstâncias seguras ", assinalou Infantino