Medicamentos e comida: o que sobrou no quarto onde Maradona recuperava

Medicamentos e comida: o que sobrou no quarto onde Maradona recuperava
Redação

Antigo futebolista argentino não terá jantado no dia anterior e tomava medicação para combater acidez no estômago

Os detalhes sobre o último dia de vida de Diego Armando Maradona sucedem-se. Recentemente, a agência noticiosa argentina Telam divulgou o que foi encontrado na casa do antigo futebolista albiceleste, na passada quarta-feira, aquando da descoberta do cadáver, feita poucas horas depois do último passeio do "10".

No quarto onde Maradona recuperava de uma cirurgia ao cérebro, sobraram, segundo a Telam, sanduíches feitas em pão de forma, destinadas ao jantar do ex-craque na noite anterior, e ainda diversas embalagens de medicamentos psicofármacos para combater a acidez no estômago, que não estarão relacionados com a sua morte.

A agência noticiosa argentina levanta ainda dúvidas sobre a hora exata do falecimento de Diego Maradona, mas as pessoas que prestavam cuidados ao antigo futebolista garantiram tê-lo visto ainda a respirar às 23h30 da noite de terça-feira, sob adequadas condições médicas e de conforto.