Oficial: treinador de André Silva no Eintracht vai mudar de ares na Bundesliga

Oficial: treinador de André Silva no Eintracht vai mudar de ares na Bundesliga
Redação com Lusa

Adi Hutter sucede a Marco Rose ao leme do histórico Borussia Monchengladbach.

O treinador Adi Hutter vai deixar o Eintracht Frankfurt no final da temporada e passar a orientar o Borussia Mönchengladbach, anunciou esta terça-feira o oitavo classificado da Liga alemã.

O técnico austríaco de 51 anos tem guiado o Frankfurt, de André Silva, à qualificação para a Liga dos Campeões, no quarto lugar com sete pontos de vantagem para o quinto classificado.

A confirmar-se esse apuramento, Hutter não estará na primeira campanha na principal prova europeia de clubes desde 1960, uma vez que assinou esta terça-feira um contrato de três temporadas, a começar no verão.

Em vez disso, estará a orientar o 'Gladbach, que é oitavo e, depois de em 2019/20 se ter qualificado para a Champions, está já a quatro pontos do sexto classificado, que apura para a Liga Conferência Europa.

"Hutter é o melhor treinador para a nossa equipa, para o nosso clube, para os desafios e objetivos que teremos pela frente a partir do verão", declarou, citado pelo site do clube, o diretor desportivo, Max Eberl.

O trabalho de Hutter no Frankfurt envolveu levar os alemães às meias-finais da Liga Europa em 2019 e potenciar uma equipa com futebol ofensivo, liderada pelo goleador André Silva, que esta época leva 23 golos na Bundesliga.

O atual treinador do 'Gladbach, Marco Rose, também já tem emprego para a próxima época, uma vez que tinha já sido anunciado, em fevereiro, como próximo técnico do Borussia Dortmund.

Desde o anúncio, a equipa perdeu sete dos 10 jogos em todas as competições.