Brasil e Espanha nos "quartos" do futebol, trio de candidatos eliminado

Brasil e Espanha nos "quartos" do futebol, trio de candidatos eliminado
Redação com Lusa

Tópicos

Na terceira ronda do Grupo C, a Espanha segurou o primeiro posto, com cinco pontos, graças a um empate 1-1 com a Argentina, com golos de Mikel Merino, para os espanhóis, e de Tomas Belmonte, para os argentinos.

O Brasil, detentor do ouro, e a Espanha asseguraram esta quarta-feira a qualificação para os quartos de final do torneio olímpico de futebol masculino de Tóquio'2020, enquanto os também candidatos França, Alemanha e Argentina ficaram pelo caminho.

Na terceira ronda do Grupo C, a Espanha segurou o primeiro posto, com cinco pontos, graças a um empate 1-1 com a Argentina, com golos de Mikel Merino, para os espanhóis, e de Tomas Belmonte, para os argentinos, que apesar dos mesmos quatro pontos do Egito, terminaram com menor diferença de golos e foram ultrapassados pelos africanos no segundo posto.

Com a vitória por 2-0 sobre a Austrália, numa partida dirigida pelo português Artur Soares Dias, os egípcios não só carimbaram a passagem à próxima ronda, como obrigaram os sul-americanos, vencedores do ouro em 2004 e 2008, a ficarem-se pela fase de grupos em duas edições seguidas dos Jogos, algo que nunca tinha acontecido.

Já o rival e campeão olímpico em título Brasil venceu por 3-1, com um golo de Matheus Cunha e dois de Richarlison, e segue para os quartos, enquanto líder do Grupo D, com sete pontos, mais dois do que a Costa do Marfim, que empatou 1-1 com a Alemanha (prata no Rio'2016) e agarrou o apuramento.

O anfitrião Japão foi a única seleção a concluir a fase de grupos com um pleno de vitórias (nove pontos) e logo com uma goleada por 4-0 à França, construída com tentos de Takefusa Kubo, Hiroki Sakai, Koji Miyoshi e Daizen Maeda, jogador que representou o Marítimo em 2019/20.

Além do líder do Grupo A, segue igualmente para os quartos o México, que bateu por 3-0 a África do Sul e garantiu o segundo posto, com seis pontos, mais três do que os gauleses, que estão fora de Tóquio2020 e fecharam a primeira fase com a pior registo defensivo entre as 16 equipas, com 11 golos sofridos.

Coreia do Sul e Nova Zelândia terminaram no primeiro e segundo lugares do Grupo B, respetivamente, e também se apuraram. Os sul-coreanos "atropelaram" as Honduras, por 6-0, com destaque para o "hat-trick" de Ui-Jo Hwang, ao passo que os neozelandeses seguraram um "nulo" (0-0) com a Roménia e acabaram por beneficiar de uma melhor diferença de golos sobre os romenos.

O quadro dos quartos de final, cujos jogos estão agendados para sábado, ficou definido com os seguintes encontros: Espanha-Costa do Marfim, Japão-Nova Zelândia, Brasil-Egito e Coreia do Sul-México.