Premium Félix é um remorso para a Juventus

Félix é um remorso para a Juventus
Cláudia Garcia

Tópicos

VISTO DE ITÁLIA - Que pena que o voo de João Félix para Turim seja de ida e volta

Amanhã, João Félix vai aterrar em Turim num avião privado, com toda a pompa a circunstância que a ocasião merece, para receber o prémio do Golden Boy como melhor sub-21 da Europa na última época. Vai vestir um belo fato, tirar umas fotos, distribuir sorrisos, para depois regressar a Madrid com um prémio que já passou pelas mãos de Messi, Aguero, Rooney e Pogba, quando estes ainda eram jovens promessas e não peças centrais num projeto, como é hoje Félix para o Atlético Madrid. Uma responsabilidade que aparentemente não incomoda o miúdo de Viseu. Já daí se vê que nasceu para isto. Lida naturalmente com a pressão de não ter custado propriamente uma pechincha e com a obrigação de ser o novo Ronaldo.

João Félix é hoje um verdadeiro remorso para os adeptos da Juventus e, curiosamente, vai receber este prémio na segunda casa do clube, a OGR de Turim, que é o epicentro das comemorações dos títulos da Vecchia Signora. As prioridades de mercado levaram o clube bianconero a abandonar a corrida por Félix, que acabou num Atlético de Madrid com grande necessidade de renovação. Mas as opções de mercado da Juventus este verão ainda geram dúvidas. Vamos lá, a defesa está garantida, voto 10 às contratações de Demiral e De Ligt. Rabiot e Ramsey, até agora, revelaram-se dois reforços inúteis para o meio-campo e o ataque continua sem renovação. Até quando? Higuaín com Sarri é uma certeza, mas só com Sarri. O CR7 não precisa de mais adjetivos, mas é inevitável que os dois avançados caminhem para o fim de carreira. O contrato de Ronaldo termina em 2022. Dybala já tem 26 anos e, por mais que seja um fenómeno técnico, ainda não demonstrou ser o líder de que a equipa precisa nos momentos cruciais, como foram Ronaldo e Messi durante uma década para Real Madrid e Barcelona, respetivamente. O valor de Félix era muito elevado para a Juventus, mas, se o presidente Agnelli anda sempre a dizer que o clube quer comprar o novo CR7 com menos de 24 anos, porque é que não comprou Félix, que estava à venda? Mbappé parece destinado a outros voos e, assim de repente, não há outros que possam herdar o legado desportivo e comercial do CR7. Que pena que o voo de Félix para Turim seja de ida e volta.