Exclusivo E se ela aparece na área e o Ronaldo já lá não está?

E se ela aparece na área e o Ronaldo já lá não está?
Luís Freitas Lobo

Tópicos

PLENETA DO FUTEBOL -Um artigo de opinião de Luís Freitas Lobo.

1 Ao lembrar-se de contar aquela velha história de um dia ter perguntado a Hagan, treinador inglês de métodos duros dos anos 70, porque não tirava o Eusébio quando ele estava a jogar mal (quando o "King" já estava em fim de carreira) e ouviu como resposta "Sim, mas e se depois aparecer na área a bola certa e o Eusébio não estiver lá?", Fernando Santos estava, no fundo, a revelar o interior da sua cabeça durante o jogo com a Irlanda.

Uma angústia de pensamentos vendo como, após falhar cedo um penálti, Ronaldo caiu numa obsessão egocêntrica a pedir sempre a bola (devorando outras opções dos colegas) perdendo-a em tentativas individuais, sem render, mesmo quando puxado mais para a esquerda.