Exclusivo Ao desnorte: a arbitragem bateu no fundo

Ao desnorte: a arbitragem bateu no fundo
Samuel Almeida

Tópicos

RUGIDOS DO LEÃO - A opinião de Samuel Almeida, aos domingos n'O JOGO.

1 - A arbitragem bateu no fundo. Quem ouve comentadores e lê peritos de arbitragem parece que esta se tornou uma ciência oculta e o espaço fértil para interpretações a todo o gosto, mas sobretudo livre arbítrio de quem anda de apito na boca. E o livre arbítrio permite, claro está, a total ausência de uniformidade de critérios, com amplos benefícios de uns, e prejuízo de outros.